Oposição acusa município da Horta de “não quer ouvir os munícipes”

HortaOs vereadores eleitos pelo PSD/CDS-PP/PPM acusaram hoje a maioria socialista na Câmara Municipal da Horta de “não quer ouvir os munícipes”, considerando que a apregoada “grande abertura democrática” impede os faialenses de participarem na vida do município.

 

Numa nota informativa enviada às redações, os eleitos da oposição referem que propuseram, em maio de 2014, que a Câmara Municipal da Horta desencadeasse “os procedimentos necessários à implementação do Orçamento Participativo no Município da Horta”.

“Esta proposta foi chumbada pela maioria socialista na Câmara que entretanto implementou o orçamento participativo jovem”, informam.

No dia 3 de setembro, os vereadores da oposição voltaram a propor que a Câmara desencadeasse os procedimentos necessários à implementação do Orçamento Participativo mas aberto a toda a população do Concelho. A maioria não aceitou discutir esta proposta naquela reunião remetendo-a para a reunião desta semana, que decorreu ontem, 17 de setembro, e voltou a chumbá-la.

“A implementação do Orçamento Participativo fazia parte dos manifestos eleitorais das forças políticas representadas no Executivo Camarário mas a maioria continua a não querer ouvir todos os munícipes na elaboração dos principais documentos orientadores da gestão municipal”, salientam.

Os vereadores frisam que o PS “impede sistematicamente a oposição de introduzir no próprio dia da reunião pontos adicionais à ordem de trabalhos. Porém, na última reunião impôs, com a sua maioria musculada, a introdução da sua proposta para a fixação do IMI para 2016”.

“Uma proposta desta natureza, com implicações na vida das pessoas, que carece de estudo e de avaliação, foi facultada aos vereadores da oposição no próprio dia da reunião. Daí que estes se tenham abstido na sua votação por manifesta falta de tempo para a analisarem convenientemente”, afirmam.

Os eleitos do PSD/CDS-PP/PPM lamentam que o município “não implemente no próximo ano, em toda a sua plenitude, o IMI familiar”.

 

 

 

Foto: Direitos Reservados

LG/+central

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s